Catálogo
Português

Cortinas para trás

sistemas sob medida

A cortina é fixada ao topo em uma vara de cabeça e está equipada com uma bainha com vara para o pé.Um tiro especialmente criado, chamado o tiro na metade, normalmente operado manualmente, pode levantar até a Tramóia a metade inferior da cortina, que desaparece da vista atrás da metade superior.O sistema é utilizado principalmente para cortinas ou para cenários históricos que devido a algum impedimento não podem ser puxados para a Tramóia até seu desaparecimento.O obstáculo mais comum é a altura insuficiente da Tramóia.
Ver todos
No desenho, a vara de cabeça (stangone di testa) não é fixa, mas tem um tiro, o tiro estável (tiro stabile).O tiro estável e o tiro de ordimento são contrabalançados e separados, a fim de levantar suas varas em conjunto ou independentemente.Opcionalmente, uma aba abaixo da Cortina para trás pode conter um tubo rotativo (burattino) tecido tensor, que, durante o levantamento da vara do pé mantém a Cortina para trás tensa evitando sua ondulação.
O sistema de Cortina para trás é ainda mais comumente utilizado para o levantamento dos cenários.Esquerda: cenário a ser levantado verticalmente para a tramóia até o desaparecimento.Médio: cenário para a apertura ''atrás da metade''Direita: cenário para a apertura ''atrás de um terço''Para tramóias realmente baixas, você pode pensar sobre o uso ''atrás de um quarto'', ''atrás de um quinto'', e assim por diante.
Ulla von Brandenburg, ''Das Was Ist'' Cortina para trás feito de tela ASC - Sceno pintada.
Suntory Hall, ''Don Giovanni'' Cortina para trás constituida por um cenário realizado com Impressão digital que descobre a cena com uma apertura na metade.
Teatro Principal, ''El mágico prodigioso'' Um cenário de tela leve EVT - Light Sceno Poly impressão digital ...
... utilizado como uma Cortina para trás.
''A aventura da cortina'' Cortina para trás realizada de veludo FBR - Bruxelles.
A Cortina para trás pode ser confeccionada com plissagem vertical ou com confecção lisa, com duas folhas para abertura central ou com uma única folha.
Uma ou mais cordas, ligadas a um ou vários pontos da borda inferior da cortina ou próximo a ela, são utilizadas para levantá-la em direção ao centro do palco, revelando assim a cena.
Variantes
com tubo de cabeça fixo (vara)
com tubo de cabeça dotado de cabos
com tubo rotatorio (burattino) abaixo para mantener a cortina tensada
com bainha abaixo e bainha a um terço da altura para a apertura ''atrás de um terço''
com bainha abaixo e bainha a mitad da altura para a apertura ''atrás de um quarto'', etc.

Video & Documentação

Projeções na HSK - Tempesta Stropicciata

Este material foi usado para...

''A aventura da cortina''

Cortinas de boca

Ballet Nacional de España, ''Alento''

Dança

Suntory Hall, ''Don Giovanni''

Ópera lírica

Teatro Principal, ''El mágico prodigioso''

Teatro prosaico

Tramóia

Varas de cena

Ulla von Brandenburg, ''Das Was Ist''

Exposições, arte, arquitetura

Varas de cena manuais

Varas de cena